Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2011

CRISTO VENCEU!

Os dias que seguiram do julgamento a morte de Jesus foi espetáculo de alegria para alguns e profunda dor para outros. Uns clamavam com alta voz: Crucifica-o, estes eram guiados pelos religiosos extasiados pela interrupção da missão de mais um louco que se levantara no meio do povo e arvorado sobre si a bandeira messiânica. Ele se diz Filho de Deus! E, aqueles mais persistentes, desejosos de um furo jornalístico, ouviram no dizer que era o próprio Deus. Blasfêmia maior não existe! Esbravejavam. Entretanto, não provinha desses os maiores focos de festas, não estavam os holofotes postos sobre as meras marionetes de um ser capaz de maquinar o mal com a inteireza de algo que lhe é imanente, isto é, o próprio diabo. Venci! Era brado recorrente no inferno. Não ressoava outra voz que não fosse a dele. Ninguém poderia falar, pois aquele grito entalado na garganta era proveniente de milhares de anos. A cada luta que emplacava com os seres humanos se sentia engrandecido, mas ainda não era o bas…